domingo, janeiro 17, 2010

Custa!


Custa! Se custa! Nadar contra a corrente, fazer uma força contrária à natural.
Custa! Se custa! Quando caminhamos em frente e uma rajada de vento nos atira para trás.
Custa! Se custa! Saber que o percurso é demasiado tortuoso. Saber que as armadilhas que nos esperam são tantas.
Custa! Se custa! Fazer um esforço podendo este ser em vão. Saber que tudo o que fizemos e faremos poderá não dar frutos.
E se é custoso porque continuamos? Sendo o único incentivo uma luzinha dourada que poderá não passar de uma miragem?

2 comentários:

Cláudia disse...

Custa ver que por vezes o esforço é em vão, mas mais vale lutar do que desistir a meio da luta.
Eu sei que é complicado inverter-se esta tendência, mas um pouco de motivação.
Tenta encarar como uma fase menos boa, mas não me parece que sejas capaz de te deixar vencer . No fim vais gritar vitória ;)

boa semana
bjs

CG disse...

Eu acredito que quem luta, quem nunca desiste, acaba sempre por ter uma recompensa.
Até porque o sentimento de conquista, de dever cumprido é uma das melhores recompensas que podemos ter.
Big Kisses